Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter

PAMONHAS

A pamonha é um quitute conhecido no Brasil todo e muito mais difundido nos estados do Nordeste, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Paraná e Tocantins.
A sua origem é indígena, entretanto os portugueses e o s africanos foram adaptando e produzindo outras receitas.
O nome da pamonha vem da palavra “pamunã”, do tupi.

ÚLTIMAS MATÉRIAS SOBRE PAMONHAS

PAMONHA DE FORNO
PAMONHAS

PAMONHA DE FORNO

Aprenda como fazer uma deliciosa pamonha de forno, perfeita para vender. Vamos lá? INGREDIENTES 2 latas de milho verde escorrido 1 e 1/2 lata de

LEIA MAIS »

Tudo sobre PAMONHAS

TIPOS DE PAMONHAS

Existem vários tipo em que variar de região para região mas as mais comuns são essas:

Bolo de pamonha: é composto por milho, manteiga, leite, ovos, leite condensado e fermento em pó. Muito popular em festa juninas.

Pamonha assada: é feita no forno convencional, diferente da tradicional que é cozinhada. Nessa receita ela pode ser gratinada com pedaços de queijo. É semelhante ao bolo de pamonha, mas retira-se alguns ingredientes, como o leite condensado e o coco. Muitas pessoas, ao invés de utilizar a espiga de milho e ralar, compram latas de milho verde.

Pamonha tradicional: é composta por milho verde ralado, leite (ou leite de coco), sal (ou açúcar), manteiga, canela e erva doce. Formada a massa, ela é colocada em tubos feitos da casca do milho e atadas nas extremidades para que  cozinhem até que sua massa alcance uma consistência firme e macia.

PAMONHA PARA VENDER

Se o seu objetivo é fazer pamonhas para vender use essa receita como base para praticar. Assim que você achar que está “craque” para pamonhas adapte a receita a seu gosto de um toque especial para diferenciar a sua pamonha das dos outros. Isso permite que ela ganhe singularidade das demais.

Ingredientes:

  • 1 xícara de chá de açúcar;
  • 1/2 xícara de café de água;
  • 6 espigas de milho (das mais amarelas);
  • 1/2 xícara de chá de coco ralado seco;
  • Barbante para amarrar;
  • Palha de milho para embalar a pamonha (ou sacos térmicos).

Modo de preparo:

  • Descasque as espigas de milho;
  • Retirar todos os “cabelos” e corte as pontas;
  • Pegue uma panela, coloque água para ferver e adicione a palha do milho para cozinhar. Deixe por 15 minutos, escorra e coloque para secar;
  • Pegue as espigas e tire os grãos e vá despejando aos poucos no liquidificador e batendo;
  • Coloque a água e quando se transformar um creme, despeje em um recipiente;
  • Adicione o coco ralado, o açúcar e mexa até que se torne uma massa homogênea;
  • Coloque ela dentro da palha de milho e amarre com o barbante;
  • Pegue uma panela grande e coloque água para ferver. Quando já estiver fervendo vá colocando uma pamonha de cada vez;
  • Cozinhar por mais ou menos 1hr;
  • Retire com uma escumadeira e pronto.

ESTRATÉGIAS DE VENDA

Agora vamos a um passo muito importante para o seu negócio dar certo. Fazer uma logística de vendas.

  • Identifique nos bairros pontos estratégicos nos quais tem maior potencial de venda;
  • Estipule paradas de aproximadamente 15 minutos em determinados locais;
  • Marque casas com maior potencial de compras. ( aquelas que já consideradas clientes);
  • Determine dias e horários fixados para sua passadas, pois assim as pessoas se acostumam com o horário das suas passadas;
  • Preze pelo vocabulário, postura e vestimentas.

QUALIDADE DOS INGREDIENTES

Esse um ponto chave para o seu empreendimento ser um sucesso. É necessário que você valorize mais a qualidade dos ingredientes do que o seu preço. Por exemplo, se você comprar um milho que acho mais barato mas esse milho estiver mais branquinho, pode ter certeza que ele terá gosto de água com um sabor bem suave de milho e não é isso que queremos em uma pamonha. Justamente por isso procure fornecedores de milhos de qualidade que já estão por dentro do ramo e lhe garante excelência naquilo que lhe fornece.

HIGIENE

Antes de iniciar a preparação das pamonhas preze pela higiene na hora da preparação delas.

 

  • Tire os anéis;
  • Lave bem as mãos com sabonete neutro ou detergente;
  • User luvas, toucas e um avental;
  • Limpe toda a bancada e o fogão antes da preparação e depois também.
  • Você deve se atentar as exigências da Vigilância Sanitária.

QUANTO VOCÊ PODE LUCRAR?

Aqui vai depender exclusivamente de você, pois vai exigir dedicação, qualidade no seu produto e estratégias de venda. A média é que você fature R$1500,00 a R$2000,00. Mas existem pessoas que faturam R$600,00 e outras R$:5500,00.

E é por isso que se você pretende entrar nesse ramo de negócio será necessário muita dedicação e carinho naquilo que está fazendo, porque não adianta nada querer começar algo e não ter vontade daquilo que está fazendo.

 

ABRIR UMA MEI

Assim que  o seu empreendimento começa a se expandir o ideal é você formalizar a sua empresa. Por meio da MEI (Microempreendedor Individual) é possível oficializar o seu negócio com um faturamento mensal de R$:6750,00

A MEI permite que você consiga créditos bancários para ampliar o seu negócio, sem falar que o custo mensal para a manutenção da MEI é de R$:50,00.